Êxtase

Êxtase

Nos lençóis brancos de pele parda,
Sussurrando pulsar que se faz ofegante,
Entrecortando gemidos de suspiros calada,
A mistura do amor e do prazer veemente.

A meia luz, luz da janela, luz do teto,
Do dia, na noite, do reflexo,
O brilho, do sorriso, da pele, dos olhos,
A mordida, na boca, da louca, de desejo.

O carinho, carente de carícia,
De começo, devagar, delicado,
De muito, de tudo, delicia,
Aumentando, frenético, violento.

A carne, que pula entre os dedos,
O emaranhado dos cabelos,
O gosto, gostoso, saboroso,
Molhando tudo em explosão.

Um Gênio endiabrado, ou um Balrog venerado,
Abrindo a caixa de Pandora,
Usurpando o bendito chakra santo,
Possuindo o tudo e o agora.

Tags: ,

Uma resposta to “Êxtase”

  1. Ana Says:

    Uau, me deu até calor …

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: